Amas_SuperAmas_BannerSite515x65px_19022018

publicidade

Notícias

Vendas dos ovos de Páscoa deverá ser proporcional a 2017

Vendas dos produtos da Quaresma nos supermercados de Mato Grosso do Sul podem gerar até 3% de crescimento

05-03-2018

Os supermercados de Mato Grosso do Sul já sentem o movimento da Quaresma – período que antecede a Páscoa - com a procura um pouco maior de parte dos clientes por bacalhau, sardinha, atum, peixe de água doce e salgada, azeite e ovos. A venda dos ovos de chocolate para a Páscoa, uma das principais datas dos varejistas, deverá decolar somente na véspera.

A soma destes produtos, mais procurados, deverá gerar um resultado em torno de 2,5% até 3% de crescimento nas vendas do período em 2018, se comparado ao ano passado. “Há uma expectativa de cautela por parte dos supermercadistas sul-mato-grossenses”, explica Edmilson Verati, presidente da AMAS – Associação Sul-Mato-Grossense de Supermercados-.

Na categoria ovos de Páscoa, especificamente, revela o Presidente que nos últimos dois anos o produto sofreu queda de -35% nas vendas.  “Há uma acentuada migração do ovo de chocolate para o chocolate de barra, caixa de bombom e ovos menores que devido à gramatura oferece uma diferença de preço muito significativa”, aponta Edmilson. Os fabricantes, ainda segundo o supermercadista, “até que não aumentaram muito os preços do ícone da época ficando em torno de 5%, em comparação a 2017”. Com este cenário a expectativa da entidade “é a de que em 2018 não ocorra queda nas vendas dos ovos de Páscoa, como nos anos anteriores, chegando pelo menos ao ponto de equilíbrio o que já é motivo de comemorar”, destaca o Presidente da AMAS.

Assessoria de Comunicação AMAS